1 de novembro de 2021

Como fazer seus amigos amarem café especial em 5 passos

Compartilhar:

Todos temos o amigo (ou amigos) que revira os olhos quando passamos dez minutos moendo e preparando nosso café da manhã. Mas meu café instantâneo me dá a mesma quantidade de cafeína”, dizem eles. Ou talvez eles riam quando você começa a falar sobre origens e métodos de processamento. É só café.

Se seus amigos e familiares preferem café tradicional, e está tudo bem. Mas todos gostamos quando nossos amigos compartilham nossos hobbies, e também sabemos que muitas pessoas adorariam cafés especiais – se eles apenas experimentassem.

Claro, ninguém quer ouvir que tem “gosto ruim” para café. Portanto, aqui estão cinco etapas para apresentar seus amigos e parentes aos cafés especiais, sem parecer julgamento.

Você também pode gostar de ler Guia prático para conquistar diferentes públicos de café.

1. Encontre-os em uma cafeteria de café especial

A maioria das pessoas nunca colocou os pés dentro de uma cafeteria de café especial. Elas têm seus motivos: alguns acham que não são diferentes do Starbucks. Outras simplesmente acham os cafés especiais intimidantes. Portanto, a maneira mais fácil de provar o contrário é encontrá-las em uma cafeteria de café especial local. Saia e converse enquanto toma uma xícara – é simples assim.

Não pule para os cafés de origem única na V60 imediatamente. Deixe seus amigos experimentarem bebidas conhecidas, como um café com leite ou um cappuccino, primeiro. Eles com certeza sentirão a diferença de qualidade: o café com leite terá um sabor mais doce, e o cappuccino terá uma textura mais lisa. O resultado final? A xícara de café mais deliciosa que seu amigo já provou.

2. Saboreie origens diferentes

“Espere, o café tem mais de um sabor?”

Para quem nunca provou cafés de especialidade, o café tem apenas um sabor. Tentamos descrever os diferentes perfis para amigos, mas eles resistem para acreditar. “Café que cheira a jasmim? Tem gosto de morango? Você tem certeza?” Degustar para acreditar – então, depois de passar o primeiro passo, recomende que experimentem em primeira mão as diferentes variedades e os diferentes perfis de café.

Facilite isso para eles: encontre alguns amigos em uma cafeteria especializada e, em vez de pedir bebidas individuais, escolha algumas origens diferentes e solicite uma xícara para cada pessoa. Dessa forma, não vai custar muito e todo mundo ganha um gole de cada bebida. A dica é pedir pelo menos dois: um leve e frutado e um mais achocolatado e encorpado, de torra um pouco mais escura. Isso permitirá que seus amigos provem as duas pontas do espectro de sabores.

cupping

3. Inscrevam-se em uma aula de degustação juntos

Se o seu grupo de amigos está procurando algo para fazer, por que não sugerir matricular-se em um curso de degustação? É uma atividade divertida em grupo que fornece muitas informações sobre o café, tornando-se o próximo passo perfeito assim que seus amigos perceberem que nem todos os cafés têm o mesmo sabor. Em algumas aulas, eles também ensinam sobre a importância das origens únicas e do comércio direto – o que enriquecerá sua apreciação pelo café da terceira onda.

A melhor coisa sobre essas aulas de degustação é que elas são adequadas para pessoas comuns. A folha de avaliação é mais simples; muitas vezes você apenas avalia um café de um a cinco para cada categoria. Descrevê-lo pode ser tão simples como doce, achocolatado, com nozes, semelhante a um chá e assim por diante.

Meus amigos e eu fizemos um curso de degustação alguns anos atrás. Estávamos muito hesitantes em escrever nossos pensamentos na folha de degustação – mas nossa instrutora, Miko Simangan, do EDSA Beverage Design Group, disse que não há resposta certa ou errada. O sabor é subjetivo e depende muito dos alimentos que você provou no passado e dos sabores com os quais está familiarizado.

Dica profissional: alguns cafés têm sessões de degustação ou cupping de graça, regularmente. Pergunte à sua cafeteria preferida local ou torrefadora quando é a próxima sessão.

prensa francesa

4. Doe uma prensa francesa e café para o seu escritório

Para muitas pessoas, a maior parte do café é bebida no escritório. Mas, infelizmente, o café instantâneo costuma ser a escolha de fato. Você pode mudar isso doando uma prensa francesa: não só é barata, mas também é um dos dispositivos mais fáceis que existe, tornando-se uma introdução amigável ao preparo caseiro. Basta adicionar café e água quente, esperar 4 minutos e servir.

Outra coisa que você pode fazer é trazer pacotes de café especial. Provavelmente, seu escritório não terá um moedor de café, mas não se preocupe – leve os grãos já moídos em moagem grossa. Isso ainda é melhor do que beber um café de supermercado que está parado na prateleira há quase um ano. Compre em quantidades menores para que você gire o café rapidamente e tenha um pacote relativamente mais fresco. Antes que você perceba, seus colegas de trabalho estarão perguntando onde comprar aquele excelente café.

5. Ajude a comprar um acessório para café

O ponto de inflexão é quando seu amigo está disposto a investir em um acessório. Recomende uma AeroPress, uma balança barata e um termômetro de carne. Uma chaleira tipo pescoço de ganso é opcional, mas é incrível de se ter. Juntos, eles serão um equipamento de preparo respeitável a um preço razoável.

Uma dica é sugerir uma AeroPress em vez de algo como um V60 por causa da versatilidade dela, sem mencionar que é mais fácil de obter consistência. No entanto, se o seu amigo mostrou preferência por um V60 ou uma Chemex, não há razão para não comprá-lo.

Se o orçamento permitir, um moedor Baratza Encore é uma excelente compra e dura muito. Existem moedores de lâminas que custam a metade do preço, mas a qualidade do café que você obtém geralmente não compensa a economia. Você também pode optar por um moedor manual. Mas vamos ser honestos, seu amigo pode achar que é divertido, mas não é muito prático – especialmente antes do trabalho.

Por fim, não se esqueça de ensiná-los a usar o equipamento. Dê a eles uma receita de AeroPress que eles possam repetir com facilidade e, em seguida, recomende que moam mais finamente à medida que o grão envelhece. Mantenha outras variáveis, como temperatura e proporção de fermentação, fixas por enquanto. Isso tornará o aprendizado da arte do preparo caseiro muito mais fácil.

café especial em 5 passos

Bônus: diga a seu amigo para acompanhar o PDG Brasil

O PDG Brasil tem uma série de artigos que não são apenas para profissionais, mas também para pessoas comuns que simplesmente amam café. Há também uma seção de guia de preparo, então não se esqueça da recomendação, quando seus amigos começarem a experimentar a etapa cinco.

Se você atingiu os estágios finais desse processo, seu(s) amigo(s) aprenderam a diferenciar os vários cafés. Agora eles podem preparar sua própria xícara, ler artigos sobre café de especialidade e se sentirem confortáveis em cafés especializados. Parabéns, você conseguiu apresentá-los ao café da terceira onda!

Claro, se você não chegou tão longe, talvez seja hora de aceitar que eles preferem o café commodity. E tudo bem. Afinal, isso significa apenas mais café de qualidade para você.

Crédito da foto: The Coffee Nomad, DonLaVange via Flickr. William Fortunato (três amigos), Alex Green (amigos), Helena Lopes (prensa francesa), John Diez (amigos).

Tradução: Daniela Andrade. 

PDG Brasil

Quer ler mais artigos como este?  Assine a nossa newsletter!

Compartilhar: