5 de fevereiro de 2020

Como VOCÊ Pode Começar uma Carreira na Torra de Café

Dois anos e meio atrás, eu nunca teria imaginado me tornar um torrador de café. E hoje é exatamente isto o que eu sou.

Sempre fui apaixonado por café, mas há dois anos meu entusiasmo se transformou em uma obsessão. Até então eu estava no exército australiano com um batalhão conhecido como 6RAR (6º Regimento Real Australiano). No entanto, fui ferido durante o serviço. Ao voltar para a Austrália, eu fui colocado na cafeteria do meu batalhão, e foi ali que o café se tornou mais para mim do que aquela dose de energia que me fazia sobreviver ao dia. Foi ali que decidi que o café deveria ser minha carreira.

Veja também: How YOU Can Make a Career Out of Coffee Roasting  

Não foi uma mudança de carreira fácil. O café é uma força imprevisível, com uma quantidade infinita de informações e uma rica história que muda a cada ano, à medida que aprendemos mais sobre ele. Foi honestamente avassalador quando comecei a explorá-lo. Houve momentos em que pensei em desistir.

No entanto, parte do apelo do café era o desafio; levaria anos para aprender sobre isto e o que eu sabia poderia se tornar obsoleto a qualquer momento. Aprender sobre café era algo que eu poderia fazer por toda a vida. Nas palavras de Nolan Hirte, fundador da Proud Mary: “Se alguém acha que sabe tudo sobre café, então eu diria que eles não sabem nada”.

Agora, estou muito feliz por não ter saído e estou aqui para lhe dizer o básico que você precisa saber para se tornar um torrador de café.

Amor à primeira vista: um torrador Probat clássico. Crédito: Matt Biddulph

O Que é Necessário Para se Tornar um Torrador?

1. Paixão

Isto deve estar no topo de todas as listas de aspirantes a torrador. Isto leva você a superar os tempos difíceis. Não desanime se você ainda não experimentou esse sentimento; saia e explore o café, converse com baristas e donos de lojas, e vá a cuppings. As pessoas apaixonadas por um assunto adoram compartilhar o que aprenderam ao longo do caminho, então faça perguntas – e esteja preparado para uma conversa intensa!

Veja também:  How to Home Roast: Air Popper Style

Foi através dessas conversas que o meu interesse pelo café passou da curiosidade para o entusiasmo. Até esse ponto, eu não tinha ideia de como o café era incrível e o quanto ele conecta pessoas em todo o mundo. Eu ainda tenho carinho por essas experiências; tenho certeza que você também terá.

Cupping: uma ótima maneira de conhecer outros nerds do café e aprender tudo sobre isto. Crédito: Cristian Bortes

2. Habilidades Interpessoais

Estabelecer e manter relacionamentos com outras pessoas na indústria é essencial. O maior crescimento e sucesso da minha própria empresa, a First Fruits, deve-se a esse tipo de relacionamento profissional. À medida que mais e mais cafeterias começarem a usar seu café, você descobrirá que não é apenas o produto que você está comprando, mas também você mesmo.

Como Você Começa a Torrar?

Agora que analisamos as qualidades de que você precisa, é hora de analisar os aspectos operacionais da torrefação. Você vai precisar de equipamentos e conhecimento, então, para isso, acho que há duas opções claras:

1. Use o torrador de alguém

Você se lembra do que eu disse sobre construir bons relacionamentos? Isso não é importante apenas para vender; também é útil para aprender sobre café. Como torrador, comecei usando uma tecnologia altamente sofisticada de torrefação: uma pipoqueira. Eu comprei alguns grãos verdes fora de um importador local e fui pra cima! Foi muito divertido e, obviamente, muito longe de um torrador de café profissional, ainda era uma ótima maneira de aprender sobre diferentes origens e perfis de torra. No entanto, o que realmente me ajudou foi quando, por mais improvável que pareça, aquele mesmo trader de café verde me permitiu entrar e brincar com seu torrefador de tambor. Isto foi o que realmente me permitiu desenvolver minhas habilidades de torra.

Se você fizer isso, eu definitivamente recomendo fazer um curso de torra para aprender a teoria. Eu completei o Curso Básico de Torrefação comandado pela Wolff Coffee Roasters, mas também recomendo o curso de Roasting da Anne Coopers no Proud Mary Coffee. Além disso, uma leitura obrigatória é “The Roaster’s Companion” de Scott Rao, que eu ainda uso com frequência. No entanto, aprender a teoria não é suficiente por si só. Se você não tiver um torrefador alinhado para colocar em prática seus conhecimentos recém-adquiridos, todo esse trabalho árduo será rapidamente esquecido.

Torrar pode ser intimidador no começo, mas, quando você finalmente começa a dominar a torra é realmente muito satisfatório. Crédito: Coffee Post AU

2. Torra em Parceria

Esta opção é uma maneira muito mais econômica e livre de problemas para começar uma torrefação. Normalmente, um mestre de torra irá desenvolver um blend em conjunto com você ou você pode usar um de seus blends existentes. Você também pode renomeá-lo em sua própria embalagem, que pode ser vendida no varejo para clientes ou no atacado para empresas. Isso permite que você ganhe uma renda enquanto aprende a torrar e, mais importante, pode fornecer o capital necessário para comprar seu próprio torrador. Esteja ciente de que a maioria das torrefações não vai querer ensinar tudo sobre como eles torram, pois, eventualmente, você provavelmente se tornará um concorrente. Não deixe que isso te desencoraje – em vez disso, aproveite a oportunidade para aprender o que você pode e desenvolver seu próprio estilo.

Mais que feliz por torrar café!

Estas São as Únicas Maneiras de se Tornar um Torrador?

Claro que não! Como torrar e montar uma torrefação não são coisas que você possa aprender na universidade, você pode construir seu próprio caminho para essa carreira.

As duas direções que falei são comuns e proporcionam uma transição acessível para a gestão do seu próprio negócio. Ter experiência em café ou hospitalidade em geral é algo que também recomendo fortemente. Um curso para pequenas empresas em uma faculdade também não vai doer.

O Que Mais Você Precisa Fazer?

Depois de decidir que este é o trabalho para você, registre o nome de uma empresa e obtenha um endereço de website o mais rápido possível. Isto fará pelo menos com que fique um pouco mais real em sua mente – e proteja esse nome incrível que você criou.

Pronto para chegar às prateleiras e estoques das cafeterias locais. Crédito: Coffee Post AU

Também… esteja preparado para trabalhar duro! Em uma pequena empresa de café, você é o torrefador, comerciante, administrador, porta-voz, empacotador, entregador, representante de vendas e muito mais. É um negócio e, por mais que você queira apenas torrar, se você não encontrar uma maneira de ter alegria em todos os aspectos, pode não ser um sucesso.

Recarregando o funil entre ciclos de torra. Crédito: Coffee Post AU

Você é um torrador? Ou sonha em torrar? Eu não estaria onde estou sem a ajuda e o apoio de todos neste setor. Se alguém tiver dúvidas ou recomendações para mim, fico feliz em conversar. Fale de suas experiências nos comentários ou no facebook.

E boa sorte!

Escrito por D. Smith.

Traduzido por Ana Paula Rosas

Crédito da foto de topo: Matt Biddulph

PDG Brasil

Gostaria de ler mais artigos como este? Assine nossa newsletter!